Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Histórias de Livros

"Os livros são espelhos: só se vê neles o que a pessoa tem dentro." Carlos Ruiz Zafón

"Os livros são espelhos: só se vê neles o que a pessoa tem dentro." Carlos Ruiz Zafón

Histórias de Livros

23
Jan19

Travessuras de la nina mala

Surpreendentemente bom.

Confesso que quando se tratam de autores muito falados fico com o pé atrás, porque gostos não se discutem e o Nobel não atesta que todos temos de gostar. Sendo Mario Vargas Llosa um autor cujo nome eu já conhecia há muito, fiquei na dúvida se deveria ou não arriscar nestas travessuras. Ainda para mais quando a história se apresenta como um romance de adolescência, não parecia realmente que me fosse fascinar.

Como já comecei o texto com spoilers, escusado será dizer que foi realmente delicioso.. É facto, na minha opinião pelo menos, que a historia não é absolutamente novidade. Boy meets girl. Mas o rapaz e a rapariga que MVL cria, tornam-se personagens que nos prendem à sua história e fazem sentir um turbilhão de emoções, exatamente  o que mais gosto num livro.

O balanço entre o dito normal e a extravagância dos personagens também dita o ambiente que podia bem ser real. O pano de fundo que acaba por passar por Madrid, Londres e Tóquio  também contribui para  a beleza da história, bem como o misto de momentos sórdidos vs momentos felizes/carinhosos/normais com que o autor nos presenteia. 

 

Até que ponto estamos dispostos a fazer tudo por outra pessoa? Ou doutra maneira é como se a vida perdesse sentido?

Até que ponto a ambição não se torna um vício?

 

Como comecei por dizer, surpreendentemente agradável e a verdade é que sinto que estas personagens ficaram de alguma forma entranhadas em mim, uma sensação estranha e, ao mesmo tempo, maravilhosa.

17
Out18

A Princesa de Gelo de Camilla Lackberg

Tudo começou com A Princesa de Gelo. Nunca tinha lido nada desta autora, nem de um autor sueco para dizer a verdade. Foi-me apresentado por acaso, quando me cruzei com ele numa feira do livro e a minha prima já o tinha em casa. 

Este é o primeiro de uma saga que irá manter-se fiel à sua receita original, misturando um clima familar com mistério e crime.

Não se tratando de um Stieg Larsson (o que pode ser bom para muita gente), aborda também várias questões políticas, raciais, com que também os suecos se deparam, como acontece em tantas outras partes do mundo. 

Normalmente surge um livro por ano.

Mais sobre mim

foto do autor

Gosto de acompanhar

Ritadanova Hela Sardinhas em lata

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub