Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Histórias de Livros

"Os livros são espelhos: só se vê neles o que a pessoa tem dentro." Carlos Ruiz Zafón

"Os livros são espelhos: só se vê neles o que a pessoa tem dentro." Carlos Ruiz Zafón

Histórias de Livros

17
Out18

A Princesa de Gelo de Camilla Lackberg

Tudo começou com A Princesa de Gelo. Nunca tinha lido nada desta autora, nem de um autor sueco para dizer a verdade. Foi-me apresentado por acaso, quando me cruzei com ele numa feira do livro e a minha prima já o tinha em casa. 

Este é o primeiro de uma saga que irá manter-se fiel à sua receita original, misturando um clima familar com mistério e crime.

Não se tratando de um Stieg Larsson (o que pode ser bom para muita gente), aborda também várias questões políticas, raciais, com que também os suecos se deparam, como acontece em tantas outras partes do mundo. 

Normalmente surge um livro por ano.

11
Out18

A desumanização

Valter Hugo Mãe, um nome que de início me causou estranheza, mas, e depois? Que detalhe mais tosco para dar início à conversa. A sua escrita traz algo de novo à literatura. 

Julgo que o primeiro livro deste autor com o qual me deparei foi A Máquina de Fazer Espanhóis. Foi estranho. A ausência de maiúsculas, o tipo de discurso, mas há algo de encantador naquilo que nos conta.

Neste desumanização, traz-nos uma história com a Islândia como pano de fundo. Pode-se começar por aqui e com a vontade que fica de conhecer os fiordes depois de lermos este livro. Apresenta-nos a ideia da perda de alguém que contribui para aquilo que somos, a forma como alguém lida com isso e os que o rodeiam. Como a visão do mundo altera. Conta uma história que provavelmente é a de tantas meninas, que perdidas por aí encontram refúgio em algo que nem se lhes parecia bem antes de sofrerem uma transformação. Às vezes, não percebemos como alguém é capaz de fazer certas coisas, chegar onde chega, cair tão fundo... e Valter Hugo Mãe, retrata esse pormenor com enorme capacidade. 

A escrita de VHM é sem dúvida especial, diferente, mas a emoção com que preenche as palavras torna-a apetecível, sem se tornar exaustivo nos pormenores e sem se perder em descrições. 

Mais sobre mim

foto do autor

Gosto de acompanhar

Ritadanova Hela Sardinhas em lata

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub